Postagem em destaque

PROPOSTAS E MODELOS PARA ENEM

TODAS AS PROPOSTAS E MODELOS RELACIONADOS NESTA POSTAGEM SÃO DO AUTOR DO BLOG E NÃO PODEM SER COMERCIALIZADOS EM MATERIAL DIDÁTICO VIRTUAL ...

29 de out de 2016

MODELO ESTILO ENEM: DESAFIOS ENERGÉTICOS

MODELO ESTILO ENEM: DESAFIOS ENERGÉTICOS

Nada de novo sob o sol

                O antigo sonho humano de dominar e aproveitar ao máximo as energias da natureza foi bem ilustrado na Odisseia, quando o deus Éolo ofereceu a Ulisses um saco com todos os ventos do Mediterrâneo. Com essa força em seu poder, o herói voltaria em segurança ao próprio lar. Este episódio, aparentemente fantástico, ilustra com uma metáfora o que chamamos hoje de energia eólica. Neste século, não somente esta como outras fontes limpas e renováveis de energia prometem um futuro mais promissor tanto à humanidade quanto ao meio ambiente.
                Nesse sentido, não é segredo que o Brasil e o resto do mundo são obrigados a rever suas políticas de geração energética, pois, ainda que exista, em nosso caso, esperanças quanto à exploração do Pré-Sal, depender unicamente de combustíveis fósseis não-renováveis e hidrelétricas já não é a opção mais adequada. Por motivos semelhantes, países como Holanda, Reino Unido, EUA e Austrália desenvolveram projetos de grande investimento a longo prazo, com vistas a substituir o uso de gás, carvão e petróleo por energias eólica, solar, maremotriz e de fusão nuclear.
                Por outro lado, se cada nação tem sua responsabilidade nas escolhas acerca desse setor tão essencial à manutenção da sociedade, do ponto de vista paliativo e de cidadania, evidentemente somos obrigados a rever nossos hábitos de consumo. Sendo assim, é imprescindível avaliar e adequar nossa rotina no que concerne às simples atitudes que envolvem o modo como aproveitamos a eletricidade e a água. Também é importante refletir sobre quais tipos de produtos consumimos e em como maximizamos o uso daquilo que a natureza nos oferece gratuitamente há milênios, como ar, luz e calor.
                Portanto, a atual crise energética demanda ações objetivas para sua futura solução. No Brasil, o Ministério de Minas e Energia deve estudar a vocação energética das diferentes regiões do país. A partir de então, é possível, a exemplo de outras nações, criar uma Política de Estado que contemple a exploração de diferentes fontes sustentáveis de energia. Somado a isso, é também desejável que haja campanhas federais voltadas à educação da população no que diz respeito ao modo como as ações individuais podem contribuir para minimizar o problema. Sobretudo, é importante que tenhamos em mente que, com planejamento e empenho, crises podem ser superadas.
                       




Nenhum comentário:

QUIZ: POR QUE OU POR QUÊ?

Havendo dificuldade em visualizar o quiz, clique no link abaixo: