Postagem em destaque

PROPOSTAS E MODELOS - ENEM 2016

TODAS AS PROPOSTAS E MODELOS RELACIONADOS NESTA POSTAGEM SÃO DO AUTOR DO BLOG E NÃO PODEM SER COMERCIALIZADOS EM MATERIAL DIDÁTICO VIRTUAL ...

25 de out de 2016

MODELO ESTILO ENEM – TEMA: DIREITOS HUMANOS



MODELO ESTILO ENEM – TEMA: DIREITOS HUMANOS

Sobre a humanidade no Brasil

         Exploração e agressão contra mulheres e crianças, xenofobia, racismo, extermínio de grupos étnicos: eis um panorama de alguns tipos de injustiça ainda tão presentes no mundo. Por esse motivo, em 1948, após o advento do Holocausto, a ONU apresentou à comunidade internacional aquela que deveria ser uma nova diretriz para governos de todas as nações, ou seja, a Declaração Universal dos Direitos Humanos. Contudo, mais de meio século depois, basta observar com atenção os noticiários para perceber que a dignidade humana ainda está longe de ser reconhecida e respeitada em sua plenitude.
        O caso dos EUA é bastante emblemático, pois, sendo país sede da ONU, ele ainda possui estados em que se aplica a famigerada pena de morte, para não mencionar as denúncias de tortura de terroristas na prisão de Guantânamo. O exemplo do Brasil talvez seja mais paradoxal, porque, embora tenha incorporado trechos da famosa declaração ao texto de sua atual constituição, ainda é uma referência no que diz respeito à violência, à injustiça e à desigualdade social.
        Contudo, não se pode negar que, se os direitos humanos não estabeleceram a paz mundial nem o convívio totalmente harmônico entre os diferentes - como descrito na obra “Utopia”, do filósofo Thomas Morus -, eles têm contribuído para transformar realidades. Isso porque, para citar somente o Brasil, seus fundamentos fortaleceram causas sociais como as defendidas por bandeiras como a do Feminismo, do Movimento Negro, do Movimento Antimanicomial e da criação de estatutos como o ECA e os estatutos  do Idoso e o do Deficiente, sem contar também a luta pela cidadania por meio do combate à fome.
         Portanto, se o pressuposto basilar dos direitos humanos de que todos nascem livres e iguais em direitos e dignidade ainda não é pleno no Brasil, ele já aparece como elemento norteador da chamada Constituição Cidadã. Desse modo, para prevalecer não somente como força de lei, mas incorporar-se ao modo de sentir de cada cidadão, é necessário que seus valores sejam ensinados nas escolas, divulgados pela mídia e estudados de maneira profunda pelas policias e instituições militares. Somente com o apoio e atuação do Ministério da Cidadania e dos movimentos sociais será possível aprimorar as instituições democráticas e estender a verdadeira condição de humanidade a cada brasileiro que ainda a desconhece.
      

Nenhum comentário:

QUIZ: POR QUE OU POR QUÊ?

Havendo dificuldade em visualizar o quiz, clique no link abaixo: